Eleitor pode receber multa de até 30 mil reais se impulsionar candidato na internet - NoticiaDaki - Informação de qualidade |

Eleitor pode receber multa de até 30 mil reais se impulsionar candidato na internet

O Rondoniense, 13/09/2018 17h39

  Imprimir
 
 (Foto: Reprodução) Ampliar imagem:  (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) analisou se o eleitor/apoiador pode impulsionar conteúdo na internet – em redes sociais principalmente – em favor de candidato (como contratar link patrocinado). De acordo com a Representação n. 060096323 não pode, somente o candidato, partido ou coligação seguindo os moldes do artigo 57, IV,a e b, da Lei 9504/97.

O eleitor que fizer esse tipo de ação, incidindo na prática e o candidato beneficiário que ficar provado o prévio conhecimento do ato, os podem pagar multa de R$ 5.000,00 a R$ 30.000,00.

No caso analisado pelo TSE o eleitor foi multado em R$ 10.000,00 (dez mil reais).

Para evitar o aborrecimento ou o prejuízo, o TSE alerta ao eleitor que só quem pode contratar impulsionamento de conteúdo eleitoral é o partido, coligação e o próprio candidato.

 

     

   © Copyright 2009 | 2018    Política de privacidade     Fale conosco  |   Anuncie conosco  |