Etanol cai em 16 Estados, incluindo RO e no DF, de acordo com dados da ANP - NoticiaDaki - Informação de qualidade |

Etanol cai em 16 Estados, incluindo RO e no DF, de acordo com dados da ANP

O Rondoniense, 03/07/2018 10h13

  Imprimir
 
 (Foto: Reprodução) Ampliar imagem:  (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução

Os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros recuaram em 16 Estados brasileiros e no Distrito Federal na semana passada, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. Em outros nove Estados houve queda e no Amapá não houve avaliação.

Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP houve queda de 1,34% no preço do etanol na semana passada.

Em Rondônia, em consulta aos dados do Programa de Educação Tutorial (PET), do curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Rondônia (Unir), registrado no início de junho, o etanol foi o que registrou o menor aumento acumulado para o consumidor.

O preço do litro do produto ficou na média de R$3,72 no mês de maio, um aumento de 0,65% em relação ao mês anterior. No comparativo com abril de 2017, o preço do etanol teve um aumento de 10,38%. O maior valor comercializado do produto foi de R$ 3,99.

Ainda segundo o levantamento, os produtos apresentam grande diferença entre os postos de combustíveis. O valor comercializado da gasolina comum chegou a ter uma diferença de 17,49%, o diesel chegou a 18,55%, já o preço do etanol entre os postos de combustíveis variou 16,67%. Dados levantados pelo

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação média do hidratado recuou 1,78% sobre a semana anterior, de R$ 2,749 pra R$ 2,700 o litro, a maior queda porcentual entre todos os avaliados.

No entanto, no período de um mês os preços do combustível subiram 2,23% nos postos paulistas. A maior alta no preço do biocombustível na semana passada, de 1,89%, foi em Roraima.

Além de São Paulo, no período de um mês os preços do etanol subiram em 15 Estados. O destaque de alta mensal foi a Paraíba, com 7,74% no período. Na média brasileira, o preço do etanol pesquisado pela ANP acumulou alta de 2,24% na comparação mensal.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 2,179 o litro, em São Paulo, e o máximo individual ficou de R$ 4,947 o litro, no Rio Grande do Sul. Mato Grosso tem o menor preço médio estadual, de R$ 2,676 o litro, e o maior preço médio ocorreu no Rio Grande do Sul, de R$ 4,062 o litro.

Competitividade

Os valores médios do etanol seguem vantajosos sobre os da gasolina nos cinco Estados entre os maiores produtores do biocombustível do País – São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Goiás e Mato Grosso. O levantamento considera que o combustível de cana, por ter menor poder calorífico, tenha um preço limite de 70% do derivado de petróleo nos postos para ser considerado vantajoso.

Em Mato Grosso, o hidratado é vendido em média por 57,52% do preço da gasolina, em Goiás em 60,83%, em São Paulo por 63,17%, em Minas Gerais a 63,37% e, no Paraná, a paridade está em 67,71%. Na média brasileira, a paridade é de 64,05% entre os preços médios do etanol e da gasolina.

A gasolina é mais vantajosa em Roraima. Naquele Estado, o preço do etanol atinge 89,63% do cobrado em média pela gasolina.

 

     

   © Copyright 2009 | 2018    Política de privacidade     Fale conosco  |   Anuncie conosco  |