Associação denuncia devastação de reservas em Machadinho - NoticiaDaki - Informação de qualidade |

Associação denuncia devastação de reservas em Machadinho

Tudo Rondonia, 05/04/2015 22h58

  Imprimir
 
17 unidades de conservação existentes em Machadinho do Oeste estariam sendo devastadas (Foto: Reprodução) Ampliar imagem: 17 unidades de conservação existentes em Machadinho do Oeste estariam sendo devastadas (Foto: Reprodução)
17 unidades de conservação existentes em Machadinho do Oeste estariam sendo devastadas - Foto: Reprodução

De acordo com o porta-voz da ASM, o ambientalista Elizeu Berçacola, as 17 unidades de conservação existentes em Machadinho do Oeste estariam sendo devastadas .

Em reunião extraordinária, a Comissão de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Sustentável recebeu  representantes da Associação dos Seringueiros de Machadinho do Oeste (ASM). A reunião aconteceu a pedido do deputado Ezequiel Júnior (PSDC).

Na oportunidade, o presidente da comissão, deputado Jean Oliveira (PSDB), adiantou que os associados vivem uma situação preocupante em um clima de terrorismo em Machadinho.

“Fomos informados pelo deputado Ezequiel Júnior, representante da base daquele município, que estes trabalhadores estão recebendo até ameaças de morte”, destacou Jean.

De acordo com o porta-voz da ASM, o ambientalista Elizeu Berçacola, as 17 unidades de conservação existentes em Machadinho do Oeste estariam sendo devastadas sem qualquer ação inibitória do Governo do Estado.
Segundo Berçacola, na tentativa de proteger as reservas extrativistas, as comunidades estariam sendo ameaçadas e nos últimos 10 anos, 16 casos de homicídios já teriam sido registrados.

“Na realidade viemos em busca de construir alianças que nos ajudem nessa luta pela proteção de nossas florestas, na manutenção territorial das unidades de conservação, na regularização fundiária, proteção das comunidades e no combate ao crime ambiental”, declarou Elizeu Berçacola.

O ambientalista pediu que os deputados contribuam para a readequação de uma Secretaria de Desenvolvimento Ambiental (Sedam) mais moderna. “Precisamos que este órgão aponte para um horizonte de sustentabilidade e desenvolvimento”, declarou.

O deputado Ezequiel Júnior informou que os associados pedem a criação de um Pelotão Ambiental para garantir a segurança das reservas extrativistas. “Quase metade das resex de Rondônia estão em Machadinho do Oeste e precisamos dar uma atenção para este problema enfrentado por estas comunidades”, destacou o parlamentar.

Vice-presidente da comissão, o deputado Cleiton Roque (PSB) afirmou que além das providências a serem tomadas em relação aos crimes ambientais, a comissão deve também dar ampla publicidade ao assunto e informar as denúncias à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesdec).

Jean Oliveira informou que a comissão deverá encaminhar os pedidos da ASM às demais comissões, que poderão contribuir e providenciar que a Sedam tome medidas de urgência para atender as solicitações explanadas durante a reunião.

 

     

   © Copyright 2009 | 2017    Política de privacidade     Fale conosco  |   Anuncie conosco  |