Usinas do Madeira continuam a causar impactos ambientais em Rondônia

Jirau e Santo Antônio foram responsáveis por inúmeros transtorno a famílias ribeirinhas por conta do

rondoniadinamica, 20/11/2013 11h03

  Imprimir
 
Notórios são os impactos ambientais causados pela construção e operação das usinas do Madeira em Rondônia. (Foto: Rondoniadinamica) Ampliar imagem: Notórios são os impactos ambientais causados pela construção e operação das usinas do Madeira em Rondônia. (Foto: Rondoniadinamica)
Notórios são os impactos ambientais causados pela construção e operação das usinas do Madeira em Rondônia. - Foto: Rondoniadinamica

 Notórios são os impactos ambientais causados pela construção e operação das usinas do Madeira em Rondônia. Jirau e Santo Antônio foram responsáveis por inúmeros transtorno a famílias ribeirinhas por conta dos desbarrancamentos nas encostas do Madeira; a expansão de áreas alagadas e desmatadas e o acúmulo das toras também em áreas de alagação são só alguns dos exemplos mais recorrentes.

A Comissão Pastoral da Terra de Rondônia (CPT) divulgou em seu blog há quase um ano dezenas de fotos que comprovam a devastação causada pelas usinas. Clique aqui e veja todas elas.

Já nesta terça-feira, uma reportagem especial apresentada pelo site de notícias Saiba Aqui revelou a indignação dos moradores do assentamento Joana Darc II em relação ao apodrecimento dos trancos de árvores nativas.

O texto do noticioso narra que, sem projetos ambientais, os moradores dos assentamentos - quase todos produtores rurais - buscam alternativas para desenvolver projetos relacionados à agricultura familiar. Entretanto são reprimidos quando tentam criar um local para plantar, pois os órgãos ambientais competentes apresentam uma série de leis, que, a princípio, servem para amedrontar os trabalhadores ao informar que eles poderão responder por crime ambiental.

Os moradores do Joana Darc II falam em dois pesos e duas medidas. Isso porque, segundo eles, há mais de dois anos os trancos das árvores foram arrancados por dinamites que teriam sido utilizadas pelos responsáveis pelo empreendimento hidrelétrico do Rio Madeira.

A comunidade acredita que as iniciativas pública e privada devem reparar os danos causados pelas usinas. Eles são, na visão daquele povo, os grandes responsáveis pela degradação ambiental e as conseqüências que vem sofrendo diariamente com os impactos da usina de Santo Antônio.

IMAGENS DA DESTRUIÇÃO 2012/13

Usinas do Madeira continuam a causar impactos ambientais em Rondônia

 

Usinas do Madeira continuam a causar impactos ambientais em Rondônia

 

Usinas do Madeira continuam a causar impactos ambientais em Rondônia

 

Usinas do Madeira continuam a causar impactos ambientais em Rondônia

 

 

     

   © Copyright 2009 | 2014    Política de privacidade     Fale conosco  |   Anuncie conosco  |